Dicas

Semeadura direta da soja: Como tornar ainda melhor o seu cultivo

Image default

Dicas e orientações sobre semeadura direta da soja

O Rally da Safra de soja  2017/18 foi levantado que 99% dos produtores adotam a semeadura direta em algum grau da medida.

Ou seja, são milhões de hectares com plantio direto em algum nível.

Isto mostra que nos damos conta dos benefícios da semeadura direta na produtividade: o sistema pode aumentar em até 60% a produtividade de grãos.

Mas dá para deixar a palha sobre o solo para começar o plantio direto ?

É normal que algumas questões surgem ao alterar o sistema de produção agrícola.

Por isso, conheça mais sobre esta prática, que pode te ajudar a consolidar este sistema sustentável na agricultura.

 

A Semeadura Direta da soja

O Sistema de Plantio Direto (SPD) tem se destacado como uma das estratégias mais eficazes para melhorar a sustentabilidade da agricultura em regiões tropicais e subtropicais.

O resultado é por minimizar as perdas de solo e nutrientes por erosão, além de ajudar a conservar a umidade do solo.

Isso porque os três princípios básicos do SPD, que são:

  • Cobertura permanente do solo;
  • Sistema de rotação de culturas;
  • Mínimo revolvimento do solo.

São cerca de 40% a mais de carbono do que o sistema convencional.

Plantar sem tirar a idade das culturas anteriores, é a proteção mais firme na proteção das chuvas, a erosão, lixiviação de fertilizantes.

A rotação de culturas também é importante para ajudar a resolver o problema de compactação do solo.

Desta forma mantém o seu investimento a longo prazo no campo, além de todos esses benefícios do SPD, fazem com que se aumente a produtividade da cultura da soja.

Além disso, há uma redução  operacional, e uma maior sustentabilidade ambiental em sua propriedade e em seu bolso.

 

Como fazer plantio direto da soja?

Tudo começa com a escolha da cultura de rotação, que será a fonte de cobertura e idade para a cultura da soja.

Normalmente, essas espécies são chamadas de cultura de cobertura, as quais também são utilizadas na adubação verde.

E esta cultura pode ser a responsável pela ruptura do ciclo de doenças e patógenos, e de grande importância no Manejo Integrado de Pragas.

De acordo com estudos do IAPAR, algumas cultivares de aveia tiveram muitos resultados positivos no controle de nematoides.

Como a IPR Afrodite, que é resistente à resistência das galhas (nematóides, em vista javanica e nematóides, em vista incognita). Enquanto que o URS Brava é resistente ao nematoide das lesões (nematóides, em vista pratylenchus).

O nabo forrageiro é também uma excelente opção. É uma planta que em 60 dias cobre cerca de 70% do solo, e produz de 20 a 35 t/ha de massa verde, 3,5 t/ha a 8 t/ha de massa seca.

É claro que este tipo de rotação é o favorito nas regiões mais tropicais do Brasil, onde o inverno permite a sua produção.

Neste sentido, os manejos de consorciados e de rotação foram discutidos na 5ª Jornada Tecnológica no campo da IAPAR, neste ano de 2018.

Além disso, nas regiões mais quentes, tropicais do país, devemos incluir os pastos, e não apenas leguminosas. Isso faz com que a palha fique no chão e não se degrada tão rapidamente.

 

Ervas

A certeza  é de que a erva mais utilizada como palha em semeadura direta da soja, são os restos das culturas de milho; Isso faz  com que a sucessão de culturas de soja e milho.

No entanto, é muito interessante a utilização de espécies diferentes, como o consórcio de braquiárias com leguminosas.

Por exemplo, o consórcio de gramíneas com crotalárias, que tem alto potencial de reciclagem nutricional e controle de nematóides.

Um exemplo disso é a espécie Eleusine coracana (pé-de-galinha-gigante) consorciada com crotalária.

Assim como consórcios com outras culturas safrinhas como o milho, com crotalárias, guandu, ou com braquiárias.

Outra erva para ser utilizada é a Brachiaria ruziziensis. Ela conta com a abundância e a matéria seca, você pode adicionar 1% de matéria orgânica para o solo.

 

Além desta, temos a Nairobi e quénia (Panicum maximum), a BRS Paiaguás (Brachiaria brizantha), o milho e muitas outras.

Assim, procure informações sobre as plantas que você pode usar em rotação, não hesite em escolher a de sua preferência.

Acertar no momento de roçar e dessecar o adubo verde escolhido para a formação de idade, é o segredo.

Quais são as principais máquinas agrícolas para o plantio direto?

As principais são a semeadora e colhedora.

É muito importante que elas estejam corretamente reguladas. Leve em consideração que você pode perder cerca de 10% com uma semeadura inadequada em uma plantação de soja.

Isto pode causar uma perda de cerca de 6 sacos por hectare, que é significativo, não é verdade?

Na semeadura direta, é necessário uma máquina apropriada. Aquela que mobilize o mínimo necessário da linha de plantio, corte e  que distribua bem os grãos.

Além disso, a liga deve estar equipada com picador de palha. E válido o mesmo, é estar sempre observando a hora da colheita , como está sendo a distribuição.

Isso porque, quanto mais se regular a distribuição , melhor será o seu futuro neste trabalho.

A distribuição irregular dificulta as próximas operações agrícolas, e também pode deixar alguns espaços da zona de detecção.

Isso faz com que não tenhamos os benefícios da palha em toda a área. Especialmente na conservação da umidade e o controle de ervas daninhas.

 

Vantagens do Sistema de Semeadura Direta da soja

O SPD é por si só uma vantagem ao seu sistema agrícola.

Com ele é mais fácil otimizar sua máquina, o sistema contribui nas propriedades físicas, químicas e biológicas do solo, mesmo com a intensidade de utilização do mesmo nas safras.

Além de ser relevante sua contribuição na redução das emissões de gases de efeito estufa, bem como em seus custos , se bem planejado.

É claro que temos desafios, as opções de corridas para a formação de idade nas entressafras, ou até em consórcios de culturas, nem sempre são comerciais, e isto ainda é um obstáculo.

 

Saiba como escolher os melhores cultivares de soja.

 

Related posts

Cuidados essenciais no manejo da cobertura do solo e plantio direto

Dicas para o plantio de milho

Como Gerenciar Insumos Agrícolas e Aumentar até 30% a Produção de Grãos

Leave a Comment

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. aceitar leia mais

Privacy & Cookies Policy
error: Content is protected !!